Lugares para comer com bom atendimento, qualidade e excelência

                                               QG Jeitinho Caseiro: Bom atendimento, qualidade e excelência

Quando o assunto é prestação de serviços, o que se sabe é que, para conquistar cada vez mais a atenção e a fidelidade do consumidor, é necessário lhe oferecer muito mais do que um produto de qualidade. Hoje em dia, independentemente do poder de compra do cliente, o que ele tem buscado é um atendimento personalizado, que o faça se sentir realmente especial.

No ramo alimentício esta realidade não é diferente. Fato este que pode ser comprovado pelo surgimento dos inúmeros restaurantes, bares e lanchonetes, que oferecem a seus clientes opções gourmet em seus cardápios e um atendimento de alto padrão, capaz de encher os olhos e cativar de forma definitiva até o mais exigente dos consumidores.

Com base nisso, no artigo de hoje decidimos abordar as razões que fazem com que um bar, restaurante ou lanchonete se torne um bom lugar, não só para o cliente comer, mas para que ele viva uma experiência totalmente diferenciada das que já viveu comendo fora de casa.

Principais características dos melhores lugares para comer

Saber mais sobre as características que fazem com que um estabelecimento seja considerado realmente bom para se comer é fundamental para você, pois, a partir do momento que você fica ciente de cada um dos pontos que vamos apresentar a seguir, fica mais fácil identificar se de fato você está em um restaurante aconchegante, que te oferece atendimento, qualidade e excelência, ou se trata-se do completo oposto.

Confira:

Atendimento excepcional

Mais do que personalizado, é fundamental oferecer aos clientes um atendimento excepcional.

Não basta atender bem, é preciso que a equipe de atendimento do estabelecimento esteja realmente atenta às necessidades de cada cliente, para que assim seja possível atendê-las de forma personalizada e que faça com que o cliente volte mais vezes.

Assim, chamar as pessoas pelo nome, saber quais pratos lhes agradam mais, observar com quem costumam frequentar o lugar, entre diversos outros pontos, ajudam garçons, maîtres, caixas, chefs, sommeliers e os demais funcionários a atender sempre com empatia e simpatia, chegando até mesmo a se antecipar ao que o cliente deseja.

Fazendo isso, cria-se uma atmosfera positiva, em que o cliente sentirá um bem-estar tão grande, que dificilmente ele escolherá outro lugar para se alimentar, quando pensar em comer fora de casa.

Limpeza

Um dos elementos que são primordiais aos olhos dos consumidores, quando o assunto é alimentação, é a limpeza do local, que se não receber a devida atenção, pode, inclusive, gerar insatisfação nos clientes, ao visitarem o estabelecimento.

E isso não diz respeito somente à cozinha, que, por obrigação, é o local onde os clientes mais esperam que seja realmente higiênico, mas tem a ver também com os banheiros, as mesas, talheres, copos, pratos, com a vestimenta e equipamentos utilizados pelos colaboradores, e diversos outros elementos, que se bem cuidados e limpos, também darão ao cliente a sensação de bem-estar e principalmente de que ele está em um local que preza pela sua segurança alimentar.

Sendo assim, o restaurante, ou qualquer outro local que trabalhe com gastronomia, que prezar bastante por este fator, com certeza vai se destacar e passar a figurar entre os melhores lugares para comer no ponto de vista dos clientes.

Cardápio

Independentemente da classe ou poder aquisitivo do público que frequenta o restaurante, o bar ou a lanchonete, outro ponto que merece atenção e que é determinante para que um destes estabelecimentos sejam considerados os melhores lugares para comer, é a composição de seu cardápio. Neste sentido é fundamental que se faça a construção mais adequada, para que assim as chances de o cliente ser realmente fidelizado aumentem de forma significativa.

Assim, é preciso pensar com carinho nos alimentos escolhidos para compor os pratos, bem como nos pratos em si, para que, dessa maneira, seja possível oferecer produtos de qualidade e excelência, sem que isso se torne tão oneroso para o consumidor.

Outro ponto que merece atenção neste quesito é nos tipos de pratos oferecidos. É importante que estes sejam elaborados de acordo com o gosto e paladar do público-alvo do restaurante. Isso porque muitos chefs são contratados e querem por tudo construir pratos que atendem seus próprios gostos, deixando, com isso, de pensar no que o cliente realmente deseja.

Quando isso acontece, dificilmente é possível dizer que o local tem características de um restaurante ideal para se comer, já que este tipo de ação e comportamento pode acabar afugentando os consumidores, mais do que aproximando.

Ambiente

Conforme estamos enfatizando desde o início do texto, mais do que um prato saboroso, o que o cliente deseja viver é uma experiência gastronômica positiva, principalmente quando escolhe fazer isso fora de seu ambiente seguro, que no caso é a sua casa.

Tendo este ponto em mente, é preciso que o local escolhido para atendê-lo lhe proporcione exatamente esta vivência. Sendo assim, um estabelecimento que investe em um mobiliário confortável, em uma decoração visualmente agradável, iluminação aconchegante, em uma acústica adequada, entre diversos outros pontos, faz com que o consumidor sinta-se realmente à vontade, como se estivesse comendo em qualquer ambiente da sua própria casa.

Esta é uma das grandes missões dos estabelecimentos do ramo alimentício dos dias de atuais, uma vez que tornar o ambiente agradável ao cliente de uma forma geral, proporcionando-lhe experiências sensoriais positivas e diversas, fará com que ele aproveite da melhor maneira o seu prato e volte mais vezes, sempre que for possível.

Lembrando que isso nada tem a ver com luxo e riqueza ou com excesso de simplicidade. O acerto, neste sentido, está nas preferências do consumidor e de que tipo de lugar ele se sente bem para fazer suas refeições.

Relação custo/benefício

Como dissemos mais acima, um restaurante aconchegante pensa em oferecer a seus clientes uma alimentação de qualidade, sem que, para isso, esta precise ter um custo elevado. O que queremos dizer é que o consumidor hoje busca também uma experiência em que a relação custo/benefício para ele seja altamente positiva.

Neste sentido, um local que saiba aliar um preço acessível a pratos de qualidade, consegue fazer com que o cliente sinta que realmente valeu a pena estar naquele restaurante. É exatamente desta maneira que agrega-se valor a todo e qualquer tipo de negócio desta área.

Normas sanitárias que garantem qualidade e excelência

Levando em conta que cada vez mais pessoas estão optando por se alimentar fora de casa, todos os estabelecimentos do ramo alimentício têm como obrigação seguir algumas normas sanitárias, para oferecer a seus clientes, não só segurança e tranquilidade, mas também qualidade e excelência em seu atendimento.

Pensando nisso e no quanto esse ponto é primordial para que um restaurante, lanchonete ou bar ganhe status de melhores lugares para comer, compartilhamos abaixo algumas destas normas, que são fiscalizadas principalmente pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária – Anvisa, para que você acompanhe e fique ciente sobre quais são elas.

Funcionamento e verificação do estabelecimento

No que diz respeito ao funcionamento de qualquer estabelecimento do segmento de alimentação, a Anvisa, ou vigilância sanitária, tem como papel liberar o funcionamento ou determinar que o restaurante encerre suas atividades, caso não esteja cumprindo a legislação de sua área.

Para tanto, o órgão faz a fiscalização e verificação e, caso do proprietário esteja de acordo com as normas, é emitido um alvará de funcionamento. Porém, se estiver com irregularidades, é solicitado que ele se adeque, para que assim seja possível abrir as portar e funcionar normalmente.

Se mesmo assim o estabelecimento permanecer funcionando de forma irregular, a Anvisa, bem como subsidiárias municipais, podem aplicar multas, penalizar o proprietário e até mesmo interditar o local, para que se garanta a segurança da sociedade como um todo.

Higiene e limpeza

Um dos pontos que mais são verificados pela vigilância é com relação à limpeza e higiene do local onde o estabelecimento funciona, onde os alimentos são armazenados, onde são preparados e assim por diante, pois dessa maneira observa-se se as condições de atuação são salubres ou não.

Assim como o ambiente físico, os utensílios e eletrodomésticos utilizados na cozinha também devem estar sempre limpos, organizados e bem conservados.

Lixo

Outro ponto que contribui bastante para a limpeza e higiene do lugar onde o restaurante funciona é o descarte adequado do lixo que este produz, sendo esta também uma norma reguladora do setor.

Todo cuidado tomado para o descarte correto do lixo se dá para que se evite ao máximo a contaminação do dos alimentos, bem como a fácil proliferação de insetos no ambiente, que acabe prejudicando, não só a saúde dos clientes, como também dos funcionários.

Equipamentos

Estando, principalmente, no local onde a cozinha funciona, é fundamental que os funcionários que trabalham na manipulação e preparação dos alimentos estejam devidamente uniformizados, utilizando os equipamentos necessários para também evitar contaminação.

Além dos equipamentos de proteção, algo que pede é que os colaboradores também tenham cuidados específicos com relação à sua higiene pessoal, que no caso é ter as unhas cortadas, cabelos curtos ou presos, protegidos por toucas, barbas sempre feitas, entre diversas outras medidas.

Armazenamento

Com o objetivo de manter os alimentos bem conservados e preservados, prezando sempre por suas características orgânicas, algo que também faz parte da regulamentação deste setor é o correto armazenamento destes mesmos alimentos.

Outros pontos que são observados e devem ser cumpridos é com relação à procedência dos ingredientes, que precisa ser comprovada, bem como com a validade de cada um destes alimentos, que se estiverem fora do prazo precisam ser devidamente descartados.

QG Jeitinho Caseiro – Sinônimo de Atendimento, Qualidade e Excelência

Como você já deve ter percebido, e se já teve a oportunidade de saborear qualquer um de nossos pratos, algo com o que nos preocupamos e prezamos bastante em todos os nossos estabelecimentos é com a qualidade de nossos produtos e serviços, sem esquecer da excelência em tudo o que fazemos e praticamos, principalmente em nosso atendimento.

Neste sentido, se tem uma coisa da qual podemos e sempre pudemos nos orgulhar é de que o QG Jeitinho Caseiro é realmente sinônimo de atendimento, qualidade e excelência. Isso porque buscamos trabalhar com os melhores alimentos do mercado, sendo os mais frescos e de procedência comprovada, bem como com fornecedores de confiança, que nos garantam produtos com os quais podemos preparar os pratos de nosso cardápio, que já fazem parte do dia a dia de diversas pessoas.

Quando o assunto é também a limpeza e higiene de nossos restaurantes, estas podem ser vistas e sentidas de longe por nossos clientes, uma vez que buscamos trabalhar sempre em conformidade com as normas sanitárias vigentes em nosso país, que garantem algo que é imprescindível para todos nós que fazemos parte do Grupo QG: a saúde, segurança e tranquilidade de nossos clientes.

Dessa maneira, todos que chegam em nossos restaurantes conseguem observar mesas, bandejas, talheres, assim como um ambiente todo limpo, que transmita o bem-estar tão necessário no momento da refeição, seja ela qual for.

Nossos funcionários, além de muito bem treinados para oferecer um atendimento de excelência e qualidade, que faça os olhos de cada um que passa por nossos balcões brilhar, também se preocupam em estar em conformidade com a regulamentação disposta pela vigilância sanitária.

Assim, todos permanecem devidamente uniformizados, utilizando os equipamentos adequados, que vão evitar a contaminação dos alimentos, como toucas, luvas, máscaras, utensílios limpos e bem conservados, e em plenas condições de uso.

Tudo isso é comprovado pela quantidade de restaurantes que temos funcionando hoje e por aqueles que ainda virão para conquistar cada vez mais o coração das pessoas, com o nosso Jeitinho Caseiro de ser e de cuidar do que há de mais importante para nós: você e a sua alimentação.

Venha entender de perto sobre o que estamos falando. Visite um de nossos restaurantes, sinta o ambiente ao seu redor e prepare-se para viver uma experiência altamente positiva, em um dos melhores lugares para comer que você terá a oportunidade e conhecer!

Agora que você já sabe o que um lugar precisa para ser realmente bom para se alimentar, deixe abaixo um comentário falando sobre a sua opinião sobre este novo post de nosso blog.

 

Créditos da Imagem: QG Jeitinho Caseiro.